“Ide e reconstrói a minha Casa” – Paróquia de Cocos inicia hoje novenário em preparação para festa de São Sebastião

0
352

De 11 a 19 de janeiro acontece o novenário em preparação para a festa de São Sebastião de Cocos. Ontem, 10, assim como de costume aconteceu a caminhada e levantada do mastro no pátio da Igreja Matriz, momento esse, que marca o início do festejo 2019. A partir de hoje, 11, serão 9 noites de celebrações e reflexões voltadas para a reconstrução de uma Igreja família: casa da iniciação à vida cristã, em saída enviada à missão, chamada à santidade e ao cuidado com a casa comum, vivendo a generosidade e a partilha buscando o direito e a justiça na construção de uma nova sociedade. Culminando com a grande festa do mártir São Sebastião, dia 20, que refletirá o tema: Ide e reconstrói a minha Casa”.

Ide e reconstrói a minha Casa” é o tema central do festejo 2019 e surge da reflexão e da missão confiada a Francisco de Assis, quando escuta a voz do Cristo crucificado. São Francisco estava em oração na Igreja de São Damião, lá pelos idos de 1205, quando lhe pareceu ouvir uma voz que saía de um crucifixo detrás do altar. Por três vezes seguidas a voz lhe dizia: “Francisco, vai e reconstrói a minha igreja-casa que, como vês, está ruindo”. Em um primeiro momento, Francisco pensou que se tratava da reforma da pequena capela, que estava mesmo em situação deplorável. Mais tarde, entendera que era preciso outro tipo de reforma mais difícil, mais longa e mais profunda. Eis o nosso desafio, a missão dada a Francisco também é a missão de todo cristão batizado comprometido com a fé: é preciso continuar a reconstruir a Igreja de Cristo!

O tema central e os subtemas do festejo 2019 nascem primeiramente do objetivo em refletir e buscar reconstruir uma Igreja-Casa: comunidade de fé na constante vivência dos valores evangélicos. E também do contexto da tão sonhada reforma da Matriz de São Sebastião: Casa de Deus, lugar de encontro dos irmãos/as. Já iniciada com sucesso e agora continua com os frutos da generosidade e da partilha da nossa comunidade paroquial. “Com certeza nosso festejo proporcionará momentos de fé/evangelização, alegria, fraternidade e confraternização. Além disso, visa também arrecadar recursos para a continuidade da reforma da nossa matriz. Então que a festa do mártir São Sebastião se torne uma oportunidade de vivência e renovação da fé, e seja a festa da alegria, da generosidade e da partilha”, afirma o padre Jocélio.

Texto – Diác. Heber.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here