5 ensinamentos do Papa Francisco para você crescer na fé

5 ensinamentos do Papa Francisco para você crescer na fé

Os santos, beatos, servos de Deus tiveram um profundo apreço ao Papa. Aprendi com eles a respeitar e amar o líder da nossa Igreja. Encontro nele a graça de Deus, a resposta ao chamado do Senhor: “Disse-lhe Jesus: 'Apascenta minhas ovelhas'" (Jo 20, 17) e, assim, nos cabe obedecer fielmente seus ensinamentos. Por isso, nada melhor do que saber dele alguns desses ensinamentos que nos farão crescer na fé.

1- Às vezes acontece que passamos por momentos de escuridão na nossa vida pessoal, familiar ou social, e tememos que não haja uma saída. Sentimo-nos assustados diante de grandes enigmas como a doença, a dor inocente ou o mistério da morte.

Também nós somos chamados a subir a montanha, a contemplar a beleza do Ressuscitado que acende vislumbres de luz em cada fragmento da nossa vida e nos ajuda a interpretar a história a partir da vitória pascal. (Papa Francisco, Angelus de 28 de fevereiro de 2021)

2- “O Evangelho de Hoje (Mc 9, 2-10) nos convida a contemplar a transfiguração de Jesus. É um convite para nos lembrar, especialmente quando passamos uma prova difícil, que o Senhor Ressuscitou e não permite que a escuridão tenha a última palavra". (Twitter @Pontifex_pt 28 de fevereiro de 2021)

3- "Mas me pergunto: são realistas as palavras de Jesus? É realmente possível amar como Deus ama, ser misericordioso como Ele? (...) É evidente que, comparado com este amor desmedido, o nosso amor será sempre imperfeito. Mas quando Jesus nos pede para ser misericordiosos como o Pai, não pensa na quantidade! Pede aos seus discípulos que se tornem sinal, canais, testemunhas da sua misericórdia". (Audiência Geral, 21 de setembro de 2016)

Leia Mais12 frases de Jesus à Santa Faustina para começar bem a semana

4-"Ele sabe muito bem que amar os inimigos vai além das nossas possibilidades, mas foi por esta razão que se fez homem: não para nos deixar tal como somos, mas para nos transformar em homens e mulheres capazes de um amor maior, aquele do seu e do nosso Pai.

Este é o amor que Jesus doa a quem “o escuta”. E então isso torna-se possível! Com Ele, graças ao seu amor, ao seu Espírito, podemos amar também aqueles que não nos amam, até quantos nos ofendem." (Angelus, 24 de fevereiro de 2019).

5- "De tudo isto, compreende-se que Jesus não dá importância simplesmente à observância disciplinar e à conduta exterior. Ele vai à raiz da Lei, apostando sobretudo na intenção e por conseguinte no coração humano, onde têm origem as nossas ações boas e más.

A fim de obter comportamentos bons e honestos não são suficientes as normas jurídicas, mas são necessárias motivações profundas, expressão de uma sabedoria escondida, a Sabedoria de Deus, que pode ser acolhida graças ao Espírito Santo. E nós, através da fé em Cristo, podemos abrir-nos à ação do Espírito, que nos torna capazes de viver o amor divino." (Angelus, 16 fevereiro 2014).

 Fonte: A12